DICIONÁRIO FUTEBOLÊS – O AÇOUGUEIRO

Olá pessoal, esta gíria meio estranha que usamos no futebol é para ilustrar aqueles atletas violentos e desleais, que são capazes de lesionar intencionalmente um amigo de profissão e ainda ir lá e pedir desculpa, como dizemos o pessoal que gosta de tirar “bife” das canelas dos outros.

Essa ala de atletas geralmente é composta por jogadores que atuam no setor defensivo de um time, na maioria das vezes sendo um dos zagueiros, mas também podemos encontrar açougueiros bem famosos em outras posições.

O jogador açougueiro geralmente é o “dono” do time, posição essa exercida na maioria das vezes no “grito” ou na “força bruta”, que são absorvidas pelos próprios companheiros durante sua participação nos jogos.

Em suma o açougueiro é aquele jogador que não enxerga a bola, apenas consegue ver as canelas dos adversários.
 
TERRY BUTCHER :

Esse aqui era açougueiro até no nome:

O jogador inglês que tinha ‘açougueiro’ no nome e ‘sangue no suor’

1989 a seleção de futebol da Inglaterra precisava de um empate contra a Suécia em Estocolmo na última partida das Eliminatórias para garantir classificação para a Copa do Mundo de 1990. O capitão do time inglês era o zagueiro Terence, conhecido como Terry. O sobrenome Butcher (açougueiro em português) parecia prever que algo aconteceria e marcaria para sempre com sangue a carreira daquele homem.

A dor de ser um dos jogadores driblados por Maradona naquele histórico gol na Copa de 1986 foi superada com os olhos arregalados e o uniforme encharcado de sangue depois da partida em que o English Team conseguiu a classificação para o Mundial de 90. Com a cabeça aberta por um ferimento logo no início do jogo contra os suecos, Butcher recebeu um curativo que não suportou as muitas bolas cabeceadas em sequência, dadas sem medo por ele. Lembrando que nos dias de hoje não é mais permitido que o jogador que apresentar algum tipo de sangramento permaneça em campo.

O mais curioso é que Butcher não é era inglês de nascimento. Ele foi um dos poucos jogadores nascidos fora do país (Cingapura) a defender a seleção da terra da rainha em Copas. E não foram poucas: três Mundiais.
Hoje, Butcher tem 53 anos e é técnico. O ‘açougueiro’ é, acima de tudo, um exemplo para todos os atletas de como se joga com amor à camisa e as canelas dos adversários.

Às vezes vimos treinadores aqui no Brasil dizendo que é “preciso suar sangue”, numa figura de linguagem. Incoscientemente, estão fazendo uma alusão a Terence Ian ‘Terry’ Butcher. Uma carreira construída com suor, lágrimas e, acima de tudo, sangue dele e muitos adversários que ele quebrou.

Anúncios
Esse post foi publicado em CRÔNICAS, CURIOSIDADES, DICIONÁRIO FUTEBOLÊS e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para DICIONÁRIO FUTEBOLÊS – O AÇOUGUEIRO

  1. Caramba eu lembro desse jogo ….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s